Atendimento

segunda à sexta – das 7h às 13h


h
“Serviço Social de olhos abertos para a Educação: ensino público e de qualidade é direito de todos/as”. Este é o tema das comemorações do Dia do Assistente Social de 2012, celebrado nesta terça-feira, 15 de maio . Esse dia foi escolhido porque na mesma data, no ano de 1962, a profissão foi regulamentada no país. Em Sergipe, os/as Assistentes Sociais participaram de uma mobilização às 8h da manhã, na Praça Fausto Cardoso, onde houve panfletagem sobre o Dia Nacional. Logo depois a categoria ocupou as galerias da Assembleia Legislativa de Sergipe (ALESE) para acompanhar o pronunciamento de deputados estaduais sobre o Dia Nacional do Assistente Social.
h
De acordo com a presidente do CRESS/SE, Vera Núbia Santos, o objetivo de todas as programações, atos, debates e manifestações ocorridas no dia de hoje é fortalecer as lutas do Conjunto dos Conselhos Federal e Regionais de Serviço Social (CFESS-CRESS) em defesa de uma Política de Educação que ofereça ensino público de qualidade, em todos os níveis, para todos os brasileiros. “O Conjunto CFESS/CRESS, em articulação com outros sujeitos coletivos têm se posicionado e lutado contra a mercantilização da educação e de todas as formas precárias de expansão, que criam a ilusão do acesso à Educação e ao conhecimento, quando, na verdade, se tornam experiências aligeiradas, posto que destituídas da historicidade dos projetos profissionais e na contra mão da reivindicação por ampliação do acesso à educação com condições de permanência e qualidade social”, pontou a presidenta do CRESS/SE.
h
A luta dos/as assistentes sociais brasileiros/as por uma educação pública, gratuita e de qualidade é uma reivindicação histórica e se atualiza mediante a realidade de que no Brasil, o investimento público direto em educação, em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) é de 5%, e desses, apenas 0,7% é investido no ensino superior. “O debate da educação é extremamente importante para nossa profissão, que historicamente vem pautando junto aos movimentos sociais e estudantil, a luta por uma política de educação que de fato atenda as necessidades do povo brasileiro, e que não seja tratada como uma mera mercadoria na mão do capital. Por isso, é preciso que todos/as os/as Assistentes Sociais e estudantes de Serviço Social estejam nas ruas nesse dia de comemoração pelos avanços históricos da categoria e de luta pela inserção do serviço social na educação, pelos 10% do PIB para a educação, e por uma formação política e profissional emancipatória”, destacou a coordenadora Nacional da ENESSO (Executiva Nacional dos Estudantes de Serviço Social), Larissa Alves dos Santos.
h
O Serviço Social brasileiro ousa dizer não à forma como vem sendo implementado o acesso da população brasileira ao ensino, que, em larga medida, extravia seu caráter público, presencial, laico e de qualidade, em um contexto neoliberal, no qual o Estado empenha-se para atender às exigências dos organismos internacionais, criando as condições para a institucionalização de um padrão educacional que dissemina uma educação que contribui para a manutenção da desigualdade social e de relações sociais que alienam, desumanizam e conferem adesão passiva ao modo de ser burguês.
h
Assistentes Sociais são parabenizados
h
Os deputados estaduais Venâncio Fonseca, Capitão Samuel, João Daniel e a Dep. Maria Mendonça felicitaram os/as Assistentes Sociais pelo seu dia, e ressaltaram a importância do trabalho desempenhado por esses profissionais para a igualdade social. “Os profissionais do Serviço Social possuem grandioso significado social pois atuam nas sequelas da questão social brasileira, que em outros termos, se revela nas desigualdades sociais e econômicas, objetivo da sua atuação profissional, manifestas na pobreza, violência, fome, desemprego, carências materiais e existenciais, dentre outras. O cunho humanista e comprometido com valores que dignificam e respeitam as pessoas em suas diferenças e potencialidades, sem discriminação de qualquer natureza, faz que com vocês sejam considerados profissionais impares para a nossa sociedade”, afirmou a Dep. Maria Mendonça.
h
A Deputada Ana Lúcia dedicou um expediente para fazer um emocionante discurso falando sobre o Dia Nacional do Assistente Social e o brilhante trabalho desses profissionais na luta pela garantia dos direitos de todos/as cidadãos/ãs, ressaltando que no dia de hoje mais de 110 mil assistentes sociais estão mobilizados nacionalmente pautando a inserção do serviço social na educação.
h
“É necessário marcar o Dia Nacional dos Assistentes Sociais pela pauta de reivindicação da categoria, ressaltada pelo trabalho desenvolvido pelo CRESS/SE, responsável pela luta da categoria em Sergipe. Dois pontos sãos fundamentais na luta dos Assistentes Sociais este ano: a crítica ao sistema de ensino superior desse país, que privatiza a educação, não investe como deveria, e que possui um modelo que dificulta a interdisciplinaridade; e a luta pela regulamentação e obrigatoriedade da presença dos assistentes sociais nas escolas. Cada vez, nesse sistema capitalista de exclusão e desigualdade, são esses profissionais que conhecem a realidade do sofrimento social, cumprindo o seu papel de assistenciar a garantia dos direitos dos cidadãos e ajudando os homens e mulheres a se libertarem e buscarem o seu desenvolvimento e o conhecimento”, ressaltou a deputada.
h
Semana do Assistente Social 2012
h
E a programação em comemoração ao Dia Nacional do Assistente Social continua. Logo mais à noite, às 19h. no Teatro Tiradentes – UNIT Campus Centro, será realizada a palestra “De olho na Educação: o Serviço Social e a sua inserção na Política Educacional”, com a Profª Msc Juliana Iglésias (UFES/CFESS); Iran Barbosa (Prof.º e ex-deputado federal); Ingredi Palmieri (Assistente Social do IFES/CRESS).
h
Participem!

Deixe uma resposta

Arquivos de publicações

Notícias recentes

CRESS-SE

Contatos

(79) 3211-4991 ou (79) 3214-3487
Atendimento: segunda à sexta – das 7h às 13h

INSCRIÇÕES E REGISTROS:
E-mail: cressse18@gmail.com

TESOURARIA / ADMINISTRATIVO:
Tel.: (79) 3025-1132
E-mail: tesouraria.cress.se@gmail.com

FISCALIZAÇÃO E ORIENTAÇÃO (COFI)
E-mails: fiscalizacao@cress-se.org.br ou fiscalizacao2@cress-se.org.br

OUVIDORIA:
ouvidoria.cressse@gmail.com

COORDENAÇÃO:
cress-se@cress-se.org.br